Com o objetivo de melhorar as condições de preparação dos atletas portugueses com vista aos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro 2016 e Tóquio 2020, a Federação Portuguesa de Atletismo desenvolveu um Plano de Apoio ao Alto Rendimento (PAR) , onde serão integrados os atletas, e os seus treinadores, que obtenham determinadas classificações em competições internacionais, ou que alcancem determinadas marcas de acordo com as Tabelas de Prestação Desportiva (TPD), atualizadas anualmente.

 

Este Plano é possível através dos apoios obtidos do Instituto Português de Desporto e Juventude (IPDJ), do Comité Olímpico de Portugal (COP) e de parceiros privados da Federação Portuguesa de Atletismo.

 

As tabelas de integração para 2017 serão publicadas após a sua aprovação.