O Sporting nos 4x100 metros femininas, o Benfica nos 4x100 metros masculinos, o GRECAS nos 4x400 metros femininas e a Escola do Movimento nos 4x400 metros masculinos sagraram-se no passado sábado, na Maia, Campeões de Portugal.
 

Nos 4x100 metros femininas o quarteto do Sporting composto por Filipa Martins, Lorene Bazolo, Olímpia Barbosa e Carla Gama, completou a prova em 45.35 segundos, com a seleção nacional de juniores, a participar extra competição, a terminar a prova na segunda posição com 47.09 segundos, o GRECAS na terceira com 48.67 segundos e a ACR Senhora do Desterro em quarto com 52.41 segundos.
 

Em masculinos o Benfica fez alinhar André Costa, Ricardo Pereira, Diogo Antunes e Pedro Bernardo, vencendo abaixo dos 40 segundos, com 39.94 segundos. A seleção nacional de sub23, a participar extra campeonato, completou a prova em 40.66 segundos, o Sporting ocupou a posição prata com 40.89 segundos e a Escola do Movimento a posição bronze com 43.49 segundos, ainda que atrás da seleção nacional de juniores, que correu em 41.46 segundos.
 

Nos 4x400 metros, o GRECAS venceu as femininas com 4:03.90 minutos. A formação de Vagos alinhou com Catarina Silva, Francisca Martins, Carolina Sarabanda e Vera Lima. Na segunda posição ficou o Maia com 4:12.26 minutos e a ACR Senhora do Desterro completou o pódio com 4:15.52 minutos.
 

Em masculinos, a Escola do Movimento venceu os 4x400 metros com Edgar Baptista, Daniel Reis, Eduardo Ferreira e Tomás Baptista. A formação do Porto gastou 3:25.34 minutos para completar as quatro voltas ao Estádio Municipal da Maia, menos 98 centésimos que o CA Seia que foi segundo classificado com 3:26.32 minutos, com o CA Magarefes a subir ao terceiro lugar do pódio com 3:37.59 minutos.
 

Nas provas individuais disputadas em paralelo com o Campeonato de Portugal de Estafetas, destaque para Marcos Chuva, vencedor do salto em comprimento com 8.00 metros (v: +1.4 m/s), a sua melhor abertura de época de sempre e o seu oitavo melhor registo pessoal. Chuva não batia nos 8 metros desde 12 de junho de 2014, quando em Salamanca pulou 8.04 metros. A marca de qualificação para o Campeonato do Mundo de Londres é de 8.15 metros.
 

Os 100 metros masculinos renderam 5 marcas de qualificação para os Campeonatos da Europa, uma para os sub23 e quatro para os sub20. Rafael Jorge para os sub23 (10.54 segundos), Wilson Pedro (10.62 segundos), João Esteves (10.67 segundos), Delvis Santos (10.68 segundos) e Mauro Pereira (10.71 segundos)  para os sub20, alcançaram marcas que lhes permitem entrar nas contas para as seleções nacionais.
 

Referência ainda para Lorene Bazolo, vencedora dos 100 metros femininos em 11.27 segundos, mas com o vento a soprar para lá do limite regulamentar para homologação de marcas (+2.2 m/s).


Resultados completos