Encarnados ganham há 16 anos (toda a existência dos campeonatos), as leoas passam a somar 6 títulos…

 

Como já se indiciava no final da primeira jornada, o Benfica (masculinos) e o Sporting (femininos) confirmaram o favoritismo e completaram mais uma edição dos Campeonatos Nacionais de Esperanças em pista coberta (que decorreram em Braga, no Altice Fórum) como campeões nacionais.

 

Caso único nas competições coletivas: em masculinos, apenas o Benfica se sagrou campeão de esperanças. Em 16 anos de competição, 16 títulos das águias! Desta vez deixaram o Sporting a 30 pontos, com o Grecas a chegar ao terceiro lugar, mas muito distante dos dois primeiros. 

 

Em femininos, o Sporting conquistou o seu sexto título, deixando o Juventude Vidigalense a 32 pontos, e ainda mais longe ficou o Sporting de Braga, que somou 35 pontos, os mesmos que o Benfica, mas as bracarenses desempataram com mais títulos.

 

Individualmente, destaque para o recorde pessoal de Edson Gomes (Benfica), nos 60 m barreiras, pela primeira vez abaixo dos 8 segundos, o que o deixa na 5ª posição de sempre.

 

Depois destaque para três atletas que bisaram títulos em Braga, começando pela atleta da “casa”, Marina Machado, que juntou o título de 3000 metros ao de 1500 m, o mesmo sucedendo com o benfiquista Isaac Nader, nas mesmas disciplinas; depois, a sportinguista Catarina Karas, que venceu agora os 60 metros barreiras (melhorando até ser a 12ª de sempre na categoria) depois do comprimento na véspera.

 

Também com recordes pessoais e a subirem nos rankings sub23 de sempre, destaque-se a triplista Catarina Queirós, do Jardim da Serra, que chega a 10ª de sempre, com os seus 12,72 metros; e a lançadora do Sporting, Débora Quaresmas, que já é a 11ª de sempre, com os seus 14,28 metros no peso.

 

Pódios da segunda jornada:
Masculinos

400 m: 1. Mauro Pereira, SLB, 47.89; 2. Miguel Alves, SCP, 48.62; 3. Pedro Mirassol, GRECAS, 49.32.
800 m: 1. Luís Monteiro, SCP, 1:52.61; 2. António Cunha, CPTSC, 1:53.20; 3. Diogo Pinhão, SLB, 1:53.43.
3000 m: 1. Isaac Nader, SLB, 8:21.68; 2. Alexandre Figueiredo, SLB, 8:23.08; 3. Ricardo Ferreira, SCP, 8:23.23. 
60 m barreiras: 1. Edson Gomes, SLB, 7.96; 2. Edgar Campre, SLB, 8.30; 3. Rafael Ferreira, A20KM, 8.49.
Altura: 1. Gerson Balde, SLB, 2.13; 2. Nelson Pinto, CAS, 2.09; 3. Diogo Oliveira, GRECAS, 2.06.
Triplo: 1. Pedro Pinheiro, SLB, 15,39; 2. Tomás Dinis, SCP, 14,93; 3. Rinelmo Sami, SLB, 14,62.
Peso: 1. Mykyta Sudashov, SCP, 16,05; 2. Emanuel Sousa, SLB, 14,34; 3. Ricardo Varela, SCP, 14,08.
Classificação coletiva final: 1. SL Benfica, 131; 2. Sporting CP, 101; 3. GRECAS, 22; 4. J. Vidigalense, 16; 5. Associação 20 km Almeirim, 14.

Femininos
400 m: 1. Carina Vanessa, SCB, 56.55; 2. Ana Costa, BFC, 57.70; 3. Beatriz Gameiro, SCP, 58.34.
800 m: 1. Sofia Duarte, JV, 2:15.09; 2. Camila Gomes, SLB, 2:15.58; 3. Carla Rodrigues, SLB, 2:15.75.
3000 m: 1. Mariana Machado, SCB, 9:38.42; 2. Andreia Pingueiro, JV, 9:39.89; 3. Sara Duarte, ACDSJS, 9:49.74.
60 m barreiras: 1. Catarina Karas, SCP, 8.65; 2. Maria Santos, CFOD, 8.95; 3. Vera Monteiro, CFOD, 9.01.
Vara: 1. Raquel Marques, GAF, 3.15; 2. Carlota Goncalves, UFCT, 3.15; 3. Leonor Suzano, MAC, 3.15.
Triplo: 1. Catarina Queirós, AJS, 12,72; 2. Mariana Novo, ACPV, 11,99; 3. Rosa Djombate, SLB, 11,98.
Peso: 1. Débora Quaresma, SCP, 14,28; 2. Inês Carreira, JV, 13,68; 3. Margarida Ferreira, SLB, 13,55.
Classificação coletiva final: 1. Sporting CP, 86; 2. J. Vidigalense, 54; 3. Sporting de Braga, 35; 4. SL Benfica, 35; 5. GD Estreito, 29.5.